Seleção da Sétima Rodada do Brasileirão 2014

1 - Luiz (Criciúma): Fundamental na conquista do empate em Minas Gerais. Fez duas grandes defesas, passou segurança a equipe e mostrou boas saídas na bola aérea. Nota: 8,5.

2 - Fabiano (Chapecoense): Foi excelente na marcação e ainda deu um grande cruzamento para o gol de Tiago Luís. Nota: 8,5.

3 - Lucão (São Paulo): Nada melhor que se redimir de um gol contra com o gol da vitória na rodada seguinte. Além do "tento" marcado, foi bem na defesa. Nota: 8.

4 - Gum (Fluminense): Mostrou uma raça e dedicação impressionante em campo. Cortou muitos cruzamentos do time baiano e salvou dois gols certos, na "hora H". Nota: 8,5.

5 - Dedé (Chapecoense): Fez um jogo impecável, mostrando que não só executa muito bem a função de bom marcador, mas também sabe finalizar com muita qualidade ao marcar um bonito gol. Nota: 8,5.

6 - Nathanael (Atlético Paranaense): Assim como toda a defesa, foi muito eficiente no setor. Foi o jogador que mais deu trabalho ao Palmeiras, criando inúmeras oportunidades na partida. Nota: 8,5.

7 -  Marcos Guilherme (Atlético Paranaense): Jogador que mais se movimentou pelo Furacão. Criou boas jogadas e macou o primeiro gol da equipe. Nota: 7,5. 

8 - Jadson (Corinthians): Dois gols marcados em bolas paradas e um grande passe para Romarinho balançar as redes do Sport. Nota: 9.

9 - Romarinho (Corinthians): Uma partida para nunca mais esquecer. Marcou o primeiro gol do Timão e participou de mais dois. Ainda criou grandes jogadas pelo lado direito e não permitiu que os jogadores do lado esquerdo do Sport passasse do meio de campo. Nota: 9,5.

10 - Éverton Ribeiro (Cruzeiro): Há um bom tempo não fazia uma partida tão eficiente. Acertou os passes na partida de hoje, lutou muito no segundo tempo, quando recuou, puxou contra-ataques e deu um passe genial para William marcar o segundo gol da Raposa. Nota: 8,5.

11 - Kenedy (Fluminense): Além de marcar o belo gol que garantiu o triunfo tricolor, correu muito, inclusive ajudando o setor defensivo em alguns momentos. Nota: 8.

TÉCNICO: Marcelo Oliveira (Cruzeiro): Mesmo saindo atrás do placar, conquistou os três pontos no contra-ataque. Com um meio de campo bem fechado, anulou a criatividade dos meias Colorados. Nota: 8.

Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: