Análise da segunda rodada da Champions League 2013/2014

Começando a jornada da segunda rodada da Champions, pelo grupo A, Taison evitou a derrota do Shakthar diante do Manchester United. A partida realizada na ucrânia terminou em 1x1. Na outra partida do grupo, o Leverkusen venceu nos acréscimos a Real Sociedad por 2x1. O gol da vitória foi de Hegeler, aos 48 minutos do segundo tempo.


No grupo B, o Galatasaray se recuperou da goleada sofrida pelo Real Madrid na Turquia, empatando com a Juventus em Turim. O jogão terminou em 2x2, com destaque para Quagliarella, que sofreu um penalti e marcou um dos gols, pelo lado dos italianos, e Drogba, que marcou o primeiro gol e deu a assistência para o segundo gol dos turcos. Em madrid tivemos mais uma espetácular atuação do Real, que goleou o FC Copenhague por 4x0, com show de Di María e CR7.


Pelo grupo C, o PSG foi mais uma vez avassalador! Desta vez a vítima foi o Benfica, que levou 3x0 dos franceses, com dois gols de Ibra. Na bélgica, o Olympiakos se recuperou da derrota sofrida pelo PSG na primeira rodada, vencendo o Anderlecht por 3x0 também. "O cara" da partida foi Mitroglou, com um hat-trick.


Passando pelo grupo D, o Bayern mais uma vez mostrou toda sua força e favoritismo para o bi. Com uma atuação de gala dos craques Ribery e Robben, venceu o Manchester City por 3x1, dentro de Manchester. Já na Rússia o CSKA sofreu para vencer o Viktoria Plzen por 3x2. Destaque para os geniais lances do craque japonês Honda, e a falha horrível do goleiro do Viktoria Plzen.


Iniciando os a análise dos jogos realizados na terça feira, pelo grupo E, o Chelsea, de Mourinho, se reabilitou com a goleada de 4x0 sobre o Steua em Bucarest. Ramires marcou 2 gols do time londrino. No outro jogo do grupo o Schalke venceu mais uma. Desta vez diante do Basel, que havia vencido o Chelsea no Stanford Bridge. O gol da vitória de 1x0 foi marcado por Draxler, em um belo chute de fora da área.


Nesta rodada o grupo F, grupo da morte, não mostrou nenhum equilíbrio, com as vitórias fáceis de Arsenal e Dortmund. Com grande partida de Ozil, o time inglês passou tranquilamente pelo Napoli, 2x0. Na Alemanha o Borussia não teve dificuldades em vencer o Marseille por 3x0, destaque para Reus que participou de todos os gols.


No grupo G, o Zenit, de Hulk e Witsel, viu sua situação se complicar após vacilo em casa diante do Áustria Viena, onde ambos ficaram no zero. Já na grande partida envolvendo os favoritos do grupo, Porto e Atlético de Madrid, melhor para o time espanhol, que venceu por 2x1 dentro da casa do rival português. O gol da vitória foi marcado por Turan, após jogada ensaiada em uma falta.


Para finalizar a jornada, no grupo H, o Barcelona venceu o algoz do ano passado, o Celtic, em Glasgow, por 1x0. Neymar fez ótima partida e só não balançou as redes porque o goleirão Foster estava inspirado, fazendo grandes defesas. Fabregas fez o gol dos espanhóis. Em Amsterdam, o time do Ajax foi prejudicado pela arbitrágem diante do Milan. O zagueirão Denswil abriu o placar de cabeça para o time holandês. No apagar das luzes o juíz marcou um penalti inexistente de van der Hoorn sobre Balotelli, que o converteu.


Artilharia: 

Cristiano Ronaldo - 5 gols


Os golaços da rodada:






Legenda de cores: Em azul os times que estão na zona de classificação para o mata-mata, e em verde o terceiro colocado, que garante uma vaga na UEFA Europa League.

Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: