O mesmo problema do ano passado

O Avaí mais uma vez foi derrota, desta vez para o Sport, na Ilha do Retiro. Resultado que seria normal, tendo em vista a evolução do time Pernambucano na competição, e a fraca campanha do time de "Floripa", que agora está a 6 jogos sem vencer, não fosse as oportunidades perdidas e o futebol praticado. O Avaí dominou o jogo, como de costume, e não marcou nenhum gol fora de casa, como de costume! É notória a melhora do time no meio de campo, com passes e posse de bola forte, mas falta o definidor. Marcio Diogo está muito bem, mas não é um matador, é uma espécie de segundo atacante. O time está virando uma maquina de contratar mals atacantes, e pior, insistir neles. Agora o clube catarinense terá uma semana e meia de preparação para o clássico regional contra a invicta e líder Chapecoense, em Chapecó. Muitos vão afirmar que Marquinhos faz muita falta ao time, inclusive para auxiliar na finalização dos atacantes, porém concordo apenas em partes, é claro que ele é o maior ídolo do clube, é claro também que tem identidade com o clube e faz a diferença em algumas ocasiões, principalmente na bola parada, mas o time ficará muito mais lento e se for pra voltar ao time para ficar parado em campo novamente, nem adianta! Zunino e Rondinelli, se apressem! Queremos um matador logo, e vocês têm mais de uma semana para isso!


Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: