Tristeza no Uruguai, Morre Ghiggia

O homem que protagonizou uma das maiores tristezas do futebol brasileiro, Alcides Ghiggia, faleceu justamente no mesmo dia em que tornou-se uma lenda em seu país. Foi em dezesseis de julho de 1950, que o atacante uruguaio marcou o gol que calou o Maracanã e deu à Celeste o segundo título de campeão mundial. Exatamente 65 anos depois, em 2015, Alcides teve sua vida encerrada por um ataque cardíaco, aos 88 anos de idade. Ghiggia teve notáveis passagens pelo Peñarol, Danúbio, Milan e Roma, contudo sua grande marca foi o gol do "Maracanazo". Além de um bom jogador, sempre foi um homem educado, respeitoso e querido por toda a população uruguaia. Apesar da fama, teve uma vida simples, sem fortunas e riqueza material. Fica aqui minha homenagem a este grande ser que se tornou um ícone do futebol mundial.





Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: