Copa do Mundo 2018 - Grupo G

A Seleção Belga chega para esta Copa mais forte do que nunca. Mesmo sem um de seus melhores jogadores no elenco, o meia Nainggolan, que teve problemas pessoais com o técnico e não foi convocado, possui um grupo de jogadores de incrível nível técnico, e mais maduros que na edição anterior. Com estrelas em todas as posições, pode ser considerada uma das favoritas, tendo em Hazard, Mertens e Lukaku um ataque dos sonhos de qualquer torcedor. Primeiro adversário da poderosa Bélgica, o Panamá vai disputar uma Copa do Mundo pela primeira vez. O veterano zagueiro, Felipe Baloy, ex Grêmio, é o maior destaque desta seleção, que possui um esquema de jogo muito semelhante ao de Honduras, ou seja, muito defensiva e até agressiva em alguns momentos. Com uma seleção veloz e que valoriza muito a posse de bola, a Tunísia não traz nomes muitos conhecidos do futebol mundial, mas um grupo bem entrosado e determinado. Khazri é o responsável por comandar as ações ofensivas do time. Para fechar o grupo, a Inglaterra traz para esse Mundial uma geração extremamente valiosa, ficando apenas atrás da Seleção Francesa no valor de seus jogadores no mercado do futebol. A grande "joia" desta seleção é o atacante Harry Kane, que é um grande jogador e líder neste grupo. Com jovens e velozes jogadores, como Rashford, Walker e Sterling, a Inglaterra pode surpreender os favoritos ao título. Concluo que Bélgica e Inglaterra devem brigar pela primeira posição do grupo, sem ter muitos problemas com as outras duas seleções deste grupo G.








Blog C. Fernando

Administrador e Pós-Graduado em Gestão do Esporte. 29 anos. Apaixonado pela Eduarda Guidarini. Fanático por futebol. Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Pênalti não é loteria, mas sim treinamento e competência. Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: