O melhor de 2013

Enfim Cristiano Ronaldo venceu seu principal rival, Messi, na disputa pela Bola de Ouro, e agora é o melhor jogador do mundo. O português levou a melhor também sobre o francês Ribery, que teve uma brilhante temporada atuando pelo Bayern. Esse foi o segundo título do gajo, que havia ganhado também em 2008, quando atuava pelo Manchester United. Sem dúvida justiça foi feita, CR7 foi mesmo o melhor jogador do ano com ampla vantagem sobre os adversários. Teve um ano sensacional atuando pelo Real Madrid, onde não conquistou títulos, mas marcou incríveis 69 gols em 59 jogos, e para fechar o ano com chave de ouro, levou Portugal à Copa com atuações de tirar o fôlego diante da Suécia, na respescagem. Ribery ficou com a terceira colocação, após viver o melhor ano individual e coletivo de sua carreira, onde conquistou praticamente tudo que disputou. Em segundo ficou o ex-campeão Messi, que em minha opinião neste ano não deveria nem estar entre os três primeiros. O argentino não foi melhor que Ibrahimovic, Robben, Neymar, Falcão García e talvez ainda outros grandes jogadores.


Além da premiação ao melhor jogador do planeta, houve também as premiações: Melhor Jogadora de 2013; Seleção dos melhores jogadores de 2013; O Premio Puskas ao gol mais bonito; Além da merecida Bola de Ouro ao melhor jogador de todos os tempos, Pelé, que em sua época não ganhou o troféu, pois era dado apenas a jogadores que jogavam na Europa. Quanto ao prêmio feminino, Nadine Angerer, goleira alemã, levou a melhor sobre a brasileira Marta, e pela primeira vez ficou com a Bola de Ouro para as mulheres. O Prêmio Puskas, que coroa o gol mais bonito da temporada, foi justamente à Zlatan Ibrahimovic, que ainda em 2012 fez aquele inexplicável golaço de bicicleta, ou voleio, ou até de Taekwondo no jogo Suécia 4x2 Inglaterra.


Para finalizar, a seleção do mundo: Manuel Neuer, Daniel Alves, Phillip Lahm, Tiago Silva, Sérgio Ramos, Xavi Hernandez, Andrés Iniesta, Franck Ribery, Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, Zlatan Ibrahimovic. Não vejo sentido em Daniel Alves estar nesta seleção. Já não vejo bom futebol no lateral do Barcelona, ainda mais nesta última temporada. Chegaram a posicionar Lahm como lateral esquerdo, onde nem está atuando mais, para colocar o brasileiro na seleção. Como melhores na temporada, posso citar Alaba e Marcelo. Minha outra mudança, seria a saída de Messi da seleção da última temporada. Para sua posição Robben foi superior em 2013.

Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

Um comentário:

  1. Excelente análise! E finalmente quem merecia a Bola de Ouro levou. Esse ano não tinham como tirar o prêmio dele...

    ResponderExcluir