Seleção da Trigésima Terceira Rodada do Brasileirão

1 - Marcelo Lomba (Bahia) - Fez inúmeras defesas difíceis, passando segurança ao time e garantindo o bom resultado em Porto Alegre. Nota: 9.

2 - Luis Ricardo (Portuguesa) - Pretendido pelo tricolor, Luis Ricardo realmente resolveu mostrar seu valor ao clube do Morumbi. Deu muito trabalho a marcação são-paulina, além de fazer o gol da Lusa na partida. Nota: 8.

3 - Dedé (Cruzeiro) - Foi muito bem nos cortes e na marcação, não deixando os jogadores do Santos criarem oportunidades. Nota: 8.

4 - Wallace (Flamengo) - Surpreendeu pela liderança em campo com a ausência do capitão Léo Moura. Fez o simples lá atrás, evitando as investidas velozes do Fluminense. Nota: 7,5.

5 - Rodrigo Caio (São Paulo) - Excelente na proteção e nas bolas aéreas. Foi muito raçudo. Nota: 8.

6 - Juan (Vitória) - Vivendo ótima fase, Juan foi muito bem na defesa e no apoio, participando das principais jogadas do time baiano e do gol. Nota: 8.

7 -Diego Tardelli (Atlético MG) - Jogando como um camisa 10, o atacante deu assistências, dribles, fez belas jogadas e ainda marcou um belo gol de falta. Nota: 8,5.

8 - Marlone (Vasco) - Participou dos dois gols vascaínos. No primeiro deu a assistência direta, e no segundo iniciou a jogada. Nota: 8.

9 - Dellatorre (Atlético Paranaense) - "Carrasco dos gaúchos", Dellatorre decidiu novamente, marcando o gol da vitória do furacão. Nota: 8.

10 - Éverton Ribeiro (Cruzeiro) - Decidiu o jogo com um golaço! Ja vinha sendo um dos únicos que conseguiam criar jogadas pelo time, já que a marcação santista estava firme. Arriscando dribles e sofrendo faltas, procurou chamar o jogo. Nota: 8,5.

11 - Edmílson (Vasco) - Fez os dois gols do jogo, que garantiu a vitória vascaína. Nota: 8,5.

TÉCNICO: Marcelo Oliveira (Cruzeiro) - Com uma estratégia de forte marcação na defesa e de jogadas individuais e contra-ataques no ataque, foi muito feliz, mais uma vez. Nota: 8.

Blog C. Fernando

Administrador; 26 anos; Católico; Apaixonado por Eduarda Guidarini; Fanático por futebol; Futebol bonito não é melhor que o eficiente; Penalti não é loteria, mas sim treinamento e competência; Torcedor do Avaí, Real Madrid e Fiorentina.

0 comentários: